Header Ads

Loja Cultura Pop A Rigor

Mais 17 Videoclipes de Horror

No ano passado, fiz esse post com 17 videoclipes com referências ao universo do Horror, mas como nunca falta material e estamos mais uma vez nos aproximando do Halloween, confira mais 17 vídeos nessa vibe: 


Aphex Twin - Come To Daddy


Que foi isso que assistis?!? O bizarro vídeo do produtor Richard D. James, sob o pseudônimo de Aphex Twin, foi filmado no mesmo bairro em Londres, Thamesmead, em que se passa muitas das cenas de Laranja Mecânica (A Clockwork Orange, 1971) e permanece icônico. 

Caroline Polachek - So Hot You're Hurting My Feelings


O inferno que é te querer... 

Nick Cave & The Bad Seeds ft. Kylie Minogue - Where The Wild Roses Grow 

Outro clássico. Tão bonito quanto sombrio e trágico


Kate Bush - Hammer Horror


Como o título já aponta, uma homenagem a icônica produtora especializada em filmes de Horror 

Night Club - Gossip

A música fala de como mentiras podem ser mortais. Nada como as criaturas clássicas de histórias de horror para representar esse poder destrutivo.


Sunmi - You can't sit with us

Sunmi detonando zumbis com sua pistola cor-de-rosa = masterpiece. Destacando que o nome da locadora em que ela está é From Dusk Till Dawn (Um Drink no Inferno, 1996)


Billie Eilish - all the good girls go to hell


Billie, o anjo-caído

Concrete Blonde - Bloodletting (The Vampire Song)

Segundo a vocalista do Concrete Blonde, Johnette Napolitano, a música foi inspirada em seu amor por Nova Orleans e as crônicas vampirescas de Anne Rice, especialmente O Vampiro Lestat (nota sem nenhuma importância: esse também é o romance de Rice que mais gosto)


Yeah Yeah Yeahs - Y control

O vídeo dirigido por Spike Jonze inclui crianças sinistras e mutilações. O depoimento de uma pessoas que assistiu:


Ghost - Danse Macabre

Festa estranha, com gente esquisita


Red Velvet - Psycho

Psycho fala de um relacionamento abusivo e da tendência em sociedades patriarcais de taxar mulheres de loucas. No vídeo, Joy (a de cabelo bem escuro e franja) é a psicopata agindo de forma dissimulada e perturbando as outras integrantes.


Hayley Williams - Simmer

A música fala sobre controlar a raiva e o vídeo mostra como às vezes o monstro é você.


Weyes Blood - Everyday

Evocando os anos 70 tanto na sonoridade quanto na referencia aos filmes slashers


Princess Nokia - Brujas

Dirigido pela própria Princess Nokia, Brujas se inspira em suas próprias origens afro e latina, além do filme Jovens Bruxas (The Craft, 1996)


Kittie - We Are The Lamb

Canibal vs. zumbis


Dreamcatcher - BEcause

O girlgroup com influências de J-Rock e Metal, costuma trabalhar temas sombrios em seus vídeos. O mais recente é inspirado no filme Nós (Us, 2019), trazendo um parque de diversões sinistro como cenário e a ideia de doppelgänger 


Christine And The Queens - La vita nuova 

O vídeoclipe que mais curti no ano passado, é na real um curta/ álbum visual que acompanha a transformação da artista em vampira; o vídeo explora a estética andrógena da cantora, com várias referencias a vampiros e O Fantasma da Ópera, e conta com a participação de Caroline Polacheck.

Follow Cultura Pop A Rigor on Feedio

Autora: DRI TINOCO

Apaixonada por música, cinema e gatinhos. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.