No Antena Ligada de hoje tem Repente de verdade, direto do Nordeste: RAPadura Xique-Chico


Conheci o RAPadura Xique-Chico (Francisco Igor Almeida do Santos) ouvindo o Som No Caixão #36 do Teatro Escuro do Pensador Louco. RAPadura é cearense e, como o próprio diz, não faz Rap e sim Repente. Ele faz uma “embolada” do repente com o rap, mas utiliza essa mistura para preservar a cultura de raiz 100% nacional. Além do rap, sua arte junta o coco, maracatu, forró, capoeira, baião e cantigas de roda.

RAPadura, com muito talento e competência, vem fazendo um grande trabalho. Foi vencedor das edições 2007 e 2009 do Prêmio Hutúz, categoria Melhor Artista Norte/Nordeste. Ele já se apresentou em diversos locais como Carnaval Hip Hop/Praça Tereza Batista no Pelourinho – Salvador (BA), II Brasília Games/Teatro de Arena – Guará II (DF), Marco Zero – Recife (PE), etc.

O trabalho que RAPadura desenvolve mistura rap com a cultura popular brasileira. Com letras  contundentes, o artista fala do Nordeste  e dos processos de urbanização: “Vejo o meu trabalho como uma verdadeira preservação das nossas raízes culturais do Brasil”, explica. 

 Há alguns anos ele lançou o álbum  “Fita Embolada do Engenho”, com oito faixas maneiríssimas.



Ouça completo

 Um pouco mais de Rapadura

 

Conheça  mais:
Facebook
Youtube

Espalhe:

Dré Tinoco

Post A Comment:

0 comments so far,add yours