Header Ads

Loja Cultura Pop A Rigor

Review – Areias Brancas

 Areias Brancas

( White Sands )
Direção: Roger Donaldson
Elenco:  Willem Dafoe, Mickey Rourke, Mary Elizabeth Mastrantonio, Samuel L. Jackson, James Rebhorn, M. Emmet Walsh, Maura Tierney.
EUA, 1992



Areias Brancas é um daqueles filmes que quase ninguém conhece ou se lembra e que merece ser descoberto ou mesmo redescoberto. Na época de seu lançamento, esse longa chegou em poucos cinemas, com quase nenhuma divulgação, e permaneceu em cartaz por pouquíssimas semanas. Uma injustiça com esse belo filme policial a moda antiga.



Willem Dafoe interpreta o xerife Ray Dolezal que investiga o misterioso assassinato de um homem ocorrido na pacata cidadezinha onde vive. O cara tinha em seu poder uma mala cheia de verdinhas. Ray assume a identidade do morto e inicia sua investigação, que o leva a se envolver com três figuras ligadas ao falecido: o perigoso Gorman Lennox (Mickey Rourke), um agente do FBI (Samuel L. Jackson) e a atraente Lane Bodine (Mary Elizabeth Mastrantonio).

O  diretor Roger Donaldson é um diretor de altos e baixos, mas o cara fez ótimos filmes como Sem Saída (com Kevin Costner) e Efeito Dominó (disparado o melhor filme de Jason Statham).  Areias Brancas está com eles.


O elenco principal do filme é ótimo: Dafoe estrela no papel incomum de homem da lei. Mickey Rourke já tinha perdido o status de astro e caminhava para a decadência graças a escolhas erradas como Orquídea Selvagem. Temos ainda um Samuel L. Jackson pré-Pulp Fiction mandando bem como um suspeito agente federal e, a hoje sumida, Mary Elizabeth Mastrantonio que tentará seduzir o xerife.



 Bom ritmo, boa trilha e ótimas tomadas, Areias Brancas é um filme policial bem bacana que, repito, merece ser conhecido. Muy provavelmente seja difícil encontrar em DVD, mas você sempre pode recorrer a "locadora" para (re)ver esses pequenos grandes filmes.



Follow Cultura Pop A Rigor on Feedio

Autor: MARC TINOCO

Cinema, música, tokusatsu e assuntos aleatórios não necessariamente nessa ordem. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.